Cromossomos B em populações de Partamona helleri (Hymenoptera;Apidae) do Espirito Santo.

Resumo: Partamona helleri é uma espécie de abelha sem ferrão de ampla distribuição geográfica. Ocorre em toda Mata Atlântica desde o nordeste de Santa Catarina até a Bahia. Indivíduos de P. helleri apresentam, um número cromossômico regular de 2n=34 para fêmeas e n=17 para machos. Entretanto, em várias populações se encontra um sistema de cromossomos B. Os tipos e o número de cromossomos B variam ao longo da distribuição da espécie. A maior diversidade desses cromossomos supranumerários é encontrada no estado da Bahia. Neste estado foram encontrados até sete cromossomos B por indivíduo e doze tipos diferentes de B. Estudos citogenéticos realizados com a espécie até o momento contemplam poucas populações capixabas de P.helleri o mesmo ocorrendo com análises moleculares. Dados iniciais obtidos com a dissertação de mestrado de Manhago (2012) apontam para importantes polimorfismos no Espirito Santo. Como o Espirito Santo é um estado pouco explorado para as análises de cromossomos B em Partamona helleri, este estudo será fundamental para integrar a compreensão desse polimorfismo genético em toda a distribuição da espécie.

Data de início: 2016-04-01
Prazo (meses): 48

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Vander Calmon Tosta
Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Rodovia BR 101 Norte, Km 60 - Bairro Litorâneo, São Mateus - ES | CEP 29932-900