Diversidade florística das restingas do norte do estado do Espírito Santo: Subsídios para a implementação do Corredor Ecológico Central da Mata Atlântica

Resumo: Iniciativas de conservação da diversidade biológica têm se concentrado na Mata Atlântica, o que implicada numa menor atenção aos sistemas à margem deste bioma, mas que representam uma extensão do mesmo. Este é o caso das restingas que vêm experimentando rápida destruição de habitats devido a ações antrópicas. O conhecimento sobre a flora das restingas ainda é fragmentado e faltam levantamentos mais detalhados, principalmente no litoral norte do Espírito Santo. Entretanto, sabe-se que a região entre o Rio de Janeiro e o sul da Bahia constitui uma sub-região biogeográfica consistente e com altos níveis de endemismos. O presente projeto se propõe a inventariar a diversidade vegetal existente em seis áreas de restinga no norte capixaba através do Programa de Avaliação Rápida (RAP) e constituir um banco de dados informatizado para a região. Os resultados estarão à disposição dos governos Municipal, Estadual e Federal para serem utilizados como subsídios na criação de novas unidades de conservação em áreas de restinga no norte capixaba, contribuindo para a preservação deste bioma e efetivação do Corredor de Biodiversidade Central da Mata Atlântica de forma mais abrangente.

Data de início: 2017-05-01
Prazo (meses): 48

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Colaborador OBERDAN JOSE PEREIRA
Colaborador Augusto Giaretta de Oliveira
Coordenador Luis Fernando Tavares de Menezes
Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Rodovia BR 101 Norte, Km 60 - Bairro Litorâneo, São Mateus - ES | CEP 29932-900